Arte na escola e o combate ao racismo


Sabia que mais da metade da população brasileira é composta por pessoas pretas? Mas, infelizmente, ainda assim, somos um país com alto índice de racismo. Por isso, trabalhar a diversidade racial como valor é uma obrigação para quem quer contruir uma educação de qualidade. Pensando nisso, desde 2003, temos uma lei que determina a inserção de conteúdos de história e cultura afro-brasileira e africana nos currículos das escolas, é a Lei 10.639/03.


Assim, como a arte pode contribuir na luta contra o racismo e incentivar a diversidade na escola? Aqui vão algumas dicas! :)


- Quando apresentamos artistas pretas e pretos, estamos trabalhando a representatividade. É preciso mostrar que pretos e pretas produzem arte de qualidade e trazem questões próprias que devem ser abordadas.

- Outra maneira pode ser lendo livros com personagens pretos e pretas, assim como autores e autoras afro-brasileiras.

- Contar histórias de nossos ancestrais vindos da África, valorizar as suas culturas, suas línguas e suas festas.

- Evitar visões estereotipadas.

- Mostrar a diversidade de tons de pele que existe

- Facilitar o acesso e o debate quanto à cultura black, como as músicas influenciadas pelas culturas africanas.


E você? Como está fazendo para combater o racismo diariamente? Que arte de pessoas pretas você está consumindo?

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo